Recuperação de divórcio: 4 armadilhas que podem arruinar seu futuro

recuperação do divórcio

No centro da resistência à mudança estão duas reações poderosas: perda e medo. Angústia pelas perdas causadas pelo divórcio e pela dissolução de união estável, medo de um futuro incerto. Essas reações emocionais ao divórcio podem sabotar nossa capacidade de resolver problemas, estabelecendo quatro armadilhas diferentes, mas, relacionadas.

 1. Esconder os problemas que não são imediatamente óbvios

Nesta armadilha, suas emoções encobrem algum problema subjacente real relacionado ao seu divórcio. Isso torna impossível resolver o problema real. Por exemplo, é muito fácil ver meu ex como o problema, em vez de perceber o problema real, foi minha relutância em deixar de lado meus apegos a “como era a vida” com meu ex nele. Isso tornou muito difícil continuar com o próximo capítulo da minha vida.

2. Exagerar a importância de questões menores

Nesta armadilha, suas emoções estragam completamente a importância de uma questão menor relacionada ao seu divórcio. Você transforma uma toupeira em uma montanha, como diz o ditado. Por exemplo, nossa dor e medo podem aumentar o pequeno problema de nosso ex estar dez minutos atrasado para levar as crianças para uma visita de fim de semana a um desdém completo sobre a falta de respeito do ex por mim e como ele ou ela “usa nossas crianças contra mim, como uma arma contra mim! ” São apenas 10 minutos pelo amor de Deus!

3. Distorcendo nossas percepções dos principais problemas

Nesta armadilha, suas emoções distorcem a realidade de um grande problema relacionado ao seu divórcio, ignorando-o ou tratando-o como menor. Por exemplo, em nossa obsessão por nossa raiva e ressentimento por termos perdido nossas esperanças e sonhos pela vida que imaginamos, muitas vezes deixamos de apreciar o que o lado positivo do divórcio nos oferece. Podemos perder de vista o fato de que agora podemos nos reinventar usando toda a sabedoria adquirida ao longo dos anos de nosso casamento, além dos presentes inestimáveis ​​de insight e autoconhecimento que nosso divórcio “nos impôs”. O divórcio pode ser uma das maiores oportunidades que você jamais experimentará – se você permitir.

4. Impedindo o fechamento com um fluxo interminável de “novos” problemas

Nesta armadilha, suas emoções criam um fluxo interminável de questões relacionadas ao seu divórcio. O pacote de dor e medo parece agir como um poderoso “E se?” ímã que nos impede de aceitar e lidar com simplesmente “O que é”. Quando um problema é resolvido, dizemos a nós mesmos: “OK, mesmo que meu ex não tenha gostado do resultado, a questão do apoio à criança está resolvida. Mas e se ele não pagar a tempo? E se ele simplesmente se recusa a pagar? E se ele perder o emprego e não puder pagá-lo? O QUE Farei então? ” Como patos em uma galeria de tiro ao alvo, quando um alvo é atingido, outro aparece para substituir seu lugar, graças a esse monte de dor e medo que é parte integrante de se divorciar. Onde há dor e medo purulentos, o suprimento de fantasias de desastre é infinito.

As consequências são monumentais

Mesmo quando a separação é tranquila, mesmo em caso de divórcio em cartório, recuperar-se do divórcio obriga a tomar um número incalculável de decisões, algumas pequenas outras tão importantes que afetarão o resto de sua vida. Você precisa estar ciente dos problemas que importam, informar os principais do menor, ter uma compreensão clara dos problemas que realmente contam e garantir que as decisões tomadas não voltem a você em breve. um ciclo interminável de incompletude.

Se você dissolver sua resistência às mudanças que acompanham o divórcio, conseguirá tomar as melhores decisões para sua vida após o divórcio. Se você não dissolver sua resistência à mudança, estará condenado a um futuro de fracasso.

Ajudo clientes divorciados a acelerar drasticamente seu retorno à corrente principal da vida com uma esperança renovada, livre das correntes de raiva, ressentimento e vergonha que acompanham o divórcio. O objetivo? Faça deste divórcio o seu último divórcio!

Este é o quinto artigo de uma série de artigos que descrevem como o contentamento e a satisfação com a vida após o divórcio dependem da capacidade de dissolver a própria resistência humana às mudanças que o divórcio impõe às nossas vidas.

10 Dicas Para O Verão

Dicas Para O Verão

O verão é uma das épocas do ano, perfeitas para cuidar de si e cuidar-se de um modo mais especial. A saúde é um conceito abrangente que não só remete para o corpo mas também a mente. Estes dez conselhos de saúde do site Artes de Cura são fundamentais para se sentir bem:

10 dicas para saúde no verão

 

1. A natação é um dos esportes estrela do verão, por ser um prazer muito refrescante. No ambiente aquático também pode desfrutar de hidroginástica.

2. Tenha cuidado com os contrastes de temperatura tão comuns no interior de centros comerciais, onde o ar condicionado marca uma clara diferença em relação às altas temperaturas da rua. Leva em sua bolsa e um casaco de malha quando achar o a temperatura do ar pode mudar, para evitar futuras dores de garganta.

3. Durante o verão, muitas famílias mudam seus horários e a rotina se transforma em uma espécie de caos marcado pela improvisação. No entanto, é muito importante que, apesar de a sua rotina de verão seja mais flexível, pode definir uma agenda de rotinas de alimentação e de sono.

4. Desfrute de frutas e legumes da época. Organiza uma cesta de compras em que produtos tão saudáveis como a melancia, o melão e as saladas são pequenos grandes prazeres de sua dieta diária.

Desfrute de uma dieta saudável e equilibrada com cardápios variados para ter uma dieta nutricional completa.

5. Usa roupa muito confortável, confeccionada em tecidos leves como a fibra de algodão para sentir-se bem além das altas temperaturas. Escolha um calçado confortável, que oferece uma boa fixação.

6. Organiza planos sociais com seus amigos. Desfrute do seu tempo livre na companhia de boas pessoas é uma medida de saúde e bem-estar muito importante para viver um verão cheio de inteligência emocional.

Aposta no turismo de saúde, de passar alguns dias em um destino relaxante e tranquilo. São muitas as pessoas que se conectam durante suas férias com o ambiente de cidade que conta com uma menor poluição ambiental e sonora.

7. Usa óculos de sol de qualidade para proteger o seu ponto de vista do impacto solar. Compre os seus óculos em um centro óptico especializado, contando com o assessoramento de profissionais especialistas em saúde visual.

8. Bebe líquidos de forma abundante para manter uma boa hidratação e procura as zonas de sombra ao caminhar pela rua. Na medida do possível, procura conforto de sua casa, em horários de temperaturas altas.

9. Antes de subir ao carro para ir ao trabalho, abra as portas e as janelas para que se areje bem antes de apanhar o carro.

10. Descanse da rotina de trabalho. Desligue as tarefas de escritório. Mesmo se durante este verão você tem que realizar gestões de trabalho, concilia trabalho e lazer para você se divertir neste verão.

Desligue, especialmente, das novas tecnologias, tenta levar a vida com uma outra pausa, uma vez que o estresse tecnológico produz uma tensão interna.

Estes dez conselhos práticos podem servir de ajuda para cuidar de si durante o verão.

Como fazer limpeza de pele em casa

Limpeza de pele

Você sabe como fazer limpeza de pele em casa? Por mais que o procedimento deva ser feito sempre por um profissional, nem sempre temos o tempo ou dinheiro para ir até um centro estético. Logo, precisamos apelar para a remoção de cravos e espinhas em casa.

O problema disso é que um profissional tem a formação necessária para cuidar da sua pele. Quando fazemos a limpeza de pele em casa, nem sempre higienizamos as mãos e equipamentos da forma correta.

Além disso, ao espremer espinhas de forma equivocada, você pode lesionar a sua pele e até mesmo deixar manchinhas que serão mais difíceis de tirar.

Então, como é possível cuidar da sua pele em casa? Nesse artigo, reunimos algumas dicas essenciais para você que quer aprender a fazer limpeza de pele sozinha!

Vamos começar?

Leia também: Como preparar a pele para uma maquiagem duradoura.

Confira abaixo como fazer limpeza de pele em casa:

1° passo: lave bem o rosto

O primeiro passo é lavar o rosto com água e o seu sabonete ou espuma de limpeza favorito. Lembre-se de sempre escolher um limpador que combine com o seu tipo de pele para não ocasionar problemas dermatológicos.

2° passo: tonificação

Depois, é preciso aplicar um tônico para equilibrar a pele. O ideal é que você use um tônico hidratante e não adstringente.

Isso porque os adstringentes são conhecidos por ressecar a pele e deixá-la com aquela sensação de “repuxar”. Logo, você pode irritar o seu rosto.

3° passo: vaporização

Depois, pegue uma bacia e encha de água fervente. Coloque o rosto sob essa bacia, com cuidado para não encostar na água, e cubra com um pano. Ao ficar dessa forma por alguns minutos, o vapor vai abrir os seus poros e fazer com que a limpeza seja mais eficiente.

4° passo: extração de cravos e espinhas

Este é o momento em que você vai fazer a limpeza de pele em casa. Coloque uma luva nas mãos e utilize o equipamento próprio para tirar espinhas e cravos sem o apoio de um profissional.

Esse aparelho é quase como um espeto com um formato arredondado na ponta. Para extrair, basta pressioná-lo com cuidado ao redor da área de remoção.

5° passo: esfoliação

Depois que você fizer a extração, a sua pele estará bastante sensível. Portanto, é preciso tomar cuidado com a intensidade da esfoliação para que você não se prejudique.

Opte por esfoliantes faciais com microesferas de bambu, já que essas pequenas partículas costumam ser menos agressivas.

Vale também escolher um produto com ácido glicólico na fórmula. Dessa forma, você fará a esfoliação física e química da pele, o que ajuda na renovação.

6° passo: tratamento com máscaras faciais

Depois da esfoliação, é comum que a sua pele fique irritada. Para acalmá-la, você pode fazer o tratamento com alguma máscara facial à sua escolha.

Existem máscaras de hidratação, nutrição, minimização de poros, relaxantes, enfim. É uma variedade enorme para você escolher!

7° passo: hidratação

Depois da massagem facial com a essência da máscara, chegou a hora de hidratar a pele. Aqui, vale até mesmo lembrar que até mesmo peles oleosas precisam ser hidratadas!

Inclusive, a falta de hidratação pode ser justamente um dos motivos pelos quais a sua pele produz óleo em excesso.

A grande aposta de hidratação é nos produtos com ácido hialurônico, glicerina ou pantenol na lista de ingredientes. Esses são os componentes estrela responsáveis por manter a barreira natural da sua pele.

8° passo: proteção

Por último, vale mencionar que a proteção solar nunca é demais! O uso de protetor evita os problemas decorrentes dos raios UVA e UVB.

Os efeitos do sol são os maiores responsáveis pelo envelhecimento precoce da pele e até mesmo uma série de problemas dermatológicos.

Então, use e abuse do protetor solar!

Dica extra: cleansing oils e balms

Como já mencionamos acima, fazer a limpeza de pele em casa pode trazer alguns problemas para a sua pele.

Logo, o ideal é que você sempre faça o procedimento com um especialista.

Porém, manter uma rotina de cuidados com a pele eficiente pode reduzir significativamente os seus problemas com acne, cravinhos e até mesmo poros dilatados.

Uma das novas modas do mercado de skincare é o cleansing oil. Basicamente, ele funciona como um limpador fácil à base de óleo, responsável por retirar toda a maquiagem e também os resquícios de sebo da pele.

E, como você já sabe, as espinhas e cravos são exatamente esses resquícios.

O uso de um cleansing oil ou balm geralmente pede pela dupla limpeza. Ou seja, após a massagem facial com o óleo, você precisa usar um limpador à base de água – ou seja, o sabonete facial com o qual você já está acostumado – para garantir que a sua pele está livre de toda a sujeira, óleo, poluição e tudo o mais.

Depois da dupla limpeza, não deixe de utilizar um tônico facial hidratante e, para finalizar a sua rotina, um hidratante em gel ou creme. Acredite: essa rotina fará toda a diferença para a sua pele!

Agora que você já sabe como fazer limpeza de pele em casa e outras dicas de cuidados faciais, chegou a hora de montar uma rotina que combine com você.

Nunca é demais ressaltar que suas mãos e todos os objetos utilizados no processo devem estar bem limpos para evitar qualquer tipo de inflamação.

Restou alguma dúvida sobre o tema? Então deixe o seu comentário no espaço abaixo! Aproveite também para compartilhar o artigo nas redes sociais.